Quadrilha é presa por apropriação indébita e adulteração de veículos no Sertão de PE

A quadrilha locava os veículos e não devolvia.

A Polícia Civil divulgou, nesta segunda-feira (16), a prisão de um grupo suspeito de apropriação indébita de veículos nas cidades de Dormentes e Afrânio, ambas no Sertão de Estado. De acordo com a Polícia Civil, a organização criminosa tinha ramificações em estados como São Paulo, Minas Gerais e Bahia.

Ainda, de acordo com a polícia, os homens circulavam por Dormentes e Afrânio ostentando veículos com diversas adulterações, chamando a atenção de moradores. Investigações identificaram que os carros foram locados em outras cidades, mas sem serem devolvidos pelos supostos locatários, o que caracteriza o crime de apropriação indébita.

Os quatro veículos foram recuperados e os suspeitos respondem em liberdade.

Apropriação indébita
De acordo com o Artigo 168, do Código Penal Brasileiro, apropriar-se de coisa alheia móvel, de que tem a posse ou a detenção, resulta em reclusão, de um a quatro anos e multa, podendo ter o aumento da pena de acordo com a fundamentação.

Adulteração de veículos
O artigo 311 do Código Penal Brasileiro, criminaliza a conduta de quem adultera ou remarca número de chassi ou qualquer sinal identificador de veículo automotor, de seu componente ou equipamento com pena de reclusão, de três a seis anos e multa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here