PT joga duro contra Ciro Gomes e o PSB de Paulo Câmara e Carlos Siqueira

Lula e Paulo Câmara em Reunião, antes da prisão.

O PT promete jogar duro para 1) impedir uma aliança entre o PSB e Ciro Gomes e 2) amarrar a sigla ao seu projeto. A ordem é não ceder a acertos só nos estados.

A joia da coroa dos pessebistas –o apoio do PT à reeleição do governador Paulo Câmara (PSB-PE)– só será entregue se a discussão envolver uma coligação em torno de Lula, hoje preso.

Numa tentativa de fazer o fundo eleitoral cobrir as despesas da campanha, o presidente do PSB, Carlos Siqueira, vai se reunir com dirigentes estaduais do partido para pedir que eles sómantenham na disputa os nomes considerados viáveis.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here