Mesmo após anúncio de redução, preço do litro do diesel tem variação em postos de combustível do Sertão de PE

Cartaz fixado em posto na Orla de Petrolina. (Foto: Reprodução/TV Grande Rio)

Mesmo após o Governo anunciar a redução do preço do litro do diesel para R$ 0,46 a menos do que o encontrado nos postos de combustível no início da greve dos caminhoneiros, em maio, ainda é possível perceber variação de preços nos postos de Petrolina, no Sertão de Pernambuco. A redução de R$ 0,46 passou a ser obrigatória, em todo o país, desde o dia 1º de junho.

Em um posto de combustível localizado na Avenida Monsenhor Ângelo Sampaio, zona central de Petrolina, o litro do diesel foi reduzido em R$ 0,50, obedecendo ao desconto de pelo menos R$ 0,46. Já em um outro posto, na Orla de Petrolina, um cartaz alerta para a redução no valor do litro do diesel em apenas R$ 0,41.

Os cartazes informativos nos postos são obrigatórios. De acordo com o Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo de Pernambuco (Sindicombustíveis-PE), os estabelecimentos são obrigados a divulgar o valor pelo qual o diesel foi comprado da distribuidora no dia 21 de maio, início da greve dos caminhoneiros, e devem informar o preço cobrado na bomba, nesta data, e também o valor atual. Esta é uma forma de garantir que o consumidor calcule o valor da redução.

Média de preço do litro do diesel em cidades do Sertão de Pernambuco. (Foto: Reprodução/TV Grande Rio)

Valmir Gomes é motorista de transporte alternativo, em Petrolina, e diz ter encontrado o preço do litro do diesel a R$ 3,60 nos últimos dias. “Nós não temos sentido diferença nenhuma. Se eles [os postos] baixaram alguma coisa, foi em centavos, mas a diferença nós não notamos em nada”, lamentou.

Um levantamento realizado pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) revelou a média de preço do litro do diesel em municípios do Sertão de Pernambuco, no período de 26 de maio a 27 de junho. Em Petrolina, a redução foi de R$ 0,30. Em Salgueiro, de R$ 0,34. Já em Araripina, a diminuição foi de R$ 0,38.

Em nota, o Sindicombustíveis-PE informou que os postos têm repassado integralmente, para o consumidor final, os descontos que recebem das distribuidoras. O sindicato também informou que 55% do diesel que é consumido no estado é importado e não sofre interferência da Petrobras, e que por isso há a variação de preços.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here