Coluna Pega-Fogo: Lula quebra motivação de candidatura própria do PT em PE

Lula destacou aliança entre PT e PSB em Pernambuco.

Lula quebra motivação de candidatura própria do PT em Pernambuco

Coluna Pega-Fogo – 07 de fevereiro

O ex-presidente e líder-mor do Partido dos Trabalhadores (PT), Luiz Inácio Lula da Silva, alimentou nessa última terça-feira, dia 6, a possibilidade de aliança entre PT e PSB para as eleições deste ano, utilizando a tese da união entre Jarbas Vasconcelos e Eduardo Campos em 2012.

O líder petista, ainda, declarou que,dentro da legenda no estado, existem três pré-candidaturas ao Governo de Pernambuco, a citar: Marília Arraes, Odacy Amorim e José de Oliveira. Em entrevista, deu a entender que o ex-presidente pode firmar uma aliança com o governador Paulo Câmara (PSB), no entanto, a decisão final só sairá a partir de abril.

Lula quebrou a motivação da candidatura própria do PT de Pernambuco ao fazer analogia entre a aliança inesperada entre “Campos e Vasconcelos”, ou seja, incentivando que ocorra o mesmo entre Marília Arraes e Paulo Câmara que, atualmente, são adversários ferrenhos na política. O conflito da neta de Miguel Arraes começou, ainda, na época do ex-governador Eduardo Campos. No ano passado, ela chegou a afirmar que o “epicentro da corrupção em Pernambuco estava no PSB”.

Desde o ano passado que Lula supervaloriza a relação familiar e de amizade que possuía com o ex-governador, Eduardo Campos e permanece, ainda, com a ex-primeira dama, Renata Campos, influenciadora na administração de Paulo Câmara e Geraldo Júlio.

Nos bastidores, fala-se que a Frente Popular de Pernambuco, ainda, não desistiu dessa aliança, primeiro pelo interesse de ambas as legendas e segundo por essa relação com Renata Campos, que ainda pode render bons frutos para a eleição deste ano.

Humberto Costa e João Paulo na torcida pela aliança entre PT e PSB, após entrevista de Lula.

PRIMEIRA VITÓRIA – Depois da entrevista do ex-presidente Lula, a quem diga que Humberto Costa, João Paulo, Odacy Amorim e José de Oliveira estão ganhando à disputa dentro da legenda para a vereadora do Recife, Marília Arraes, que tenta emplacar uma candidatura própria ao Palácio do Campo das Princesas.

Na legenda petista, Humberto Costa e João Paulo são os que mais demonstram interesse nessa aliança com a Frente Popular de Pernambuco, seguido de Odacy Amorim, que chegou a ter o nome cogitado para ser vice-governador na chapa de Paulo Câmara.

GANCHO POLÍTICO – O deputado estadual e pré-candidato ao governo do estado, Odacy Amorim (PT), passou um recibo para a vereadora do Recife, Marília Arraes (PT), durante pronunciamento na tribuna da Casa Joaquim Nabuco, ontem. “O PT está discutindo nossa pré-candidatura e, se Deus quiser, vamos seguir debatendo um projeto que atenda às expectativas do povo”.

Para a cúpula petista, a fala de Odacy Amorim aponta que a neta de Miguel Arraes estaria construindo um projeto individual. Desde que anunciou sua pré-candidatura, o deputado petrolinense tenta desqualificar o projeto da sua companheira de partido, então, não seria novidade a indireta política.

VISITA AO SERTÃO – O deputado estadual Joel da Harpa (PODE) visitou, na manhã de ontem, dia 6, a sede do 14º Batalhão da Polícia Militar (BPM), em Serra Talhada, onde esteve conversando com alguns policiais militares e alunos do Curso de Formação de Sargentos. Eleito pela classe policial, Joel da Harpa tentará renovar o seu mandato na Casa Joaquim Nabuco neste ano, fato que tem lhe exigido mais disposição para visitar corporações, militares e lideranças políticas.

LEGISLATIVO – A Câmara de Vereadores de Petrolina, no Sertão de Pernambuco, não é conhecida por proporcionar os debates mais nítidos e substanciados de ideias no estado de Pernambuco.  O vereador Osinaldo Souza (PTB) iniciou o ano legislativo pedindo aos companheiros de parlamento debates mais propositivos e éticos.

“Alguns vereadores têm se excedido, e eu não sei se não aprenderam o significado de bons modos, educação, respeito. Vamos discutir política. Agora, você partir para imoralidade, para a baixaria, para a depravação, para o desrespeito, isso não existe. Petrolina não quer isso. Petrolina quer avanço, prosperidade, boa educação, saúde e segurança”, disparou.

Apoiadores de Bolsonaro se preparam para campanha eleitoral.

CORRIDA PRESIDENCIAL  – Líderes de diversas cidades do interior e da capital do Estado se reuniram, na última segunda-feira, em Caruaru, com o propósito de definir as ações pernambucanas para a pré-candidatura do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC) à Presidência da República.

Entre os pontos destacados, foram debatidas as ações que serão iniciadas no Estado para massificar a pré-campanha. O empresário e músico Gilson Neto, coordenador da pré-campanha de Bolsonaro no interior, enfatizou o modo como nasce à candidatura. “É algo inovador esta forma de fazer política, com formação nascendo no interior do estado”, disse. Participaram do encontro representantes das cidades de Recife, Salgueiro, Amaraji, Caruaru, Gravatá, Lajedo, Taquaritinga do Norte e Garanhuns.

PERGUNTA DE FOGO – Aliança entre PT e PSB sairá até abril em Pernambuco?

LEIA TAMBÉM