“Antes tarde do que nunca”, diz Júlio Lóssio alfinetando FBC

lossio-fernando-pontal-roberio-sa “Antes tarde do que nunca”, diz Júlio Lóssio alfinetando FBC
O ex-prefeito, Júlio Lóssio, criticou Fernando Bezerra Coelho, após ordem de serviço do Projeto Pontal.

O ex-prefeito de Petrolina, Júlio Lóssio, comemorou a ordem de serviço para implantação do projeto Pontal de Irrigação, ocorrida na manhã desta quinta-feira, dia 30, com presença do Ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho. No entanto, também, criticou o Senador Fernando Bezerra Coelho (PMDB) por ter atrasado a implantação do projeto.

Em contato com o Blog do Robério Sá, Lóssio reconheceu o esforço do ex-deputado Osvaldo Coelho, que durante sua trajetória parlamentar foi insistente na luta para implantar o Projeto Pontal em Petrolina.

“Ele travou uma grande luta pela implantação do projeto pontal que se implantado conforme planejado anteriormente já estaria gerando emprego e renda ao povo sertanejo”, disse o ex-prefeito.

Júlio Lóssio, ainda, afirmou que o Senador Fernando Bezerra teve a oportunidade de dar iniciar o projeto, no entanto, não logrou êxito, após tentar modificar a ideia original.

“Infelizmente, durante sua passagem pelo Ministério da Integração o Senador Fernando Bezerra e o então Presidente da Codevasf, Clementino Coelho, inventaram uma Parceria Público Privado que paralisou por anos o sonho da terra molhada para milhares de sertanejos. Uma verdadeira afronta ao sonho e ideais de Osvaldo Coelho, que protestou contra essa insanidade até seus últimos dias”, disparou.

De acordo com o ex-prefeito, durante a trajetória de Osvaldo Coelho foram feitos diversos apelos para retomada do projeto inicial. “Eu, pessoalmente, na época, como Prefeito de Petrolina, estive com o Presidente da CODEVASF levando os argumentos de Osvaldo Coelho acerca da insanidade político social de tal iniciativa. Estive, ainda, com a então Presidente Dilma levando a carta do ex-deputado Osvaldo Coelho intitulada ‘Tirar o pontal dos pobres para da a um rico é roubo.’ Transmiti, também, ao então Vice Presidente Michel Temer os argumentos do ex deputado Osvaldo Coelho”, explica.

Por fim, Lóssio acredita que Fernando Bezerra e outros representantes devem se desculpar com a população por terem parado o projeto do saudoso Osvaldo Coelho.

“Saber que o atual Ministro da Integração, Helder Barbalho, finalmente, compreendeu e retomou o modelo anterior nos alegra e, certamente, deixa aliviada a memória do Saudoso Osvaldo Coelho. Que as terras do pontal possam receber água; que água e terra juntas possam reduzir a grande desigualdade sócio econômica que penaliza nosso sertão”, disse Júlio Lóssio, completando:

“E aqueles que por anos paralisaram esse sonho possam pedir desculpas ao povo que representam. E, assim, Osvaldo vive e viverá a cada nova semente que germine”, concluiu.

Deixe seu comentário

2 COMENTÁRIOS

Comments are closed.